SAN ANDRES – O MAR DE 7 CORES DO CARIBE COLOMBIANO

San Andres

É uma ilha no meio do Mar do Caribe, conhecida pela beleza de suas águas transparentes e quentes e a riqueza dos seus recifes de corais. Há mais de 25 pontos de mergulho, alguns fáceis de mergulhar o ano inteiro e com visibilidade variando de 15 a mais de 40 metros e com temperatura variando de 26 a 29 graus Celsius com recifes de corais preservados, paredões, grutas e naufrágios.

Pontos de mergulho – Destaques

Blue Wall

O ponto mais lindo da ilha, mas requer experiência. É um paredão que chega até 67 metros de profundidade com bastante vida e onde é comum o encontro com tubarões de recife.

El barco hundido (Blue Diamond)

É um naufrágio criado como recife artificial há muitos anos que têm muitos cardumes variados, esponjas e corais incrustados formando um belíssimo ponto para fotos subaquáticas. Mergulho tranquilo com profundidade máxima de 14 metros.

Dedos de Morgan

Um pequeno jardim de corais onde é possível ver muitas lagostas, tartarugas, moreias e diversos cardumes. Mergulho tranquilo com profundidade variando de 10 a 20 metros.

Nirvana

Recife bem interessante com muitas gorgônias, poliquetas, frades, ciliares e outros cardumes diversos.

El Faro

Mergulho muito bonito com muita vida, esponjas coloridas, anêmonas, baiacus, peixes trombetas e um lambaru escondido nas toquinhas.

Informações gerais:

O arquipélago de San Andres está situado a noroeste da Colômbia, a aproximadamente 700 km da costa, próximo a Nicarágua no Mar do Caribe e chama atenção pela beleza e diferença de cores de suas águas transparentes que atingem até 7 tons diferentes devido às diferentes profundidades e tipos de fundo. Atrai também pela conservação de seus corais e vida marinha reconhecido pela UNESCO como uma reserva da Biosfera: a Seaflower.

Com água transparente, tem dias com mais de 30 metros de visibilidade e quente quase o ano todo com temperatura da água variando de 26 a 29 graus Celsius, recifes preservados, uma boa variedade de fauna e flora, paredões, mergulhos rasos e profundos e naufrágios, certamente agradam a todo tipo de mergulhador.

Do lado oeste da ilha encontraram-se a maioria dos pontos de mergulho, com pouca correnteza e recifes de corais variando de 15 a 35 metros de profundidade, onde é possível mergulhar o ano inteiro. O outro lado da ilha, menos abrigado, têm pontos de mergulho mais profundos e muito bonitos, porém, por causa do vento, às vezes não é possível mergulhar neste lado da ilha.

Infraestrutura hoteleira

San Andres tem uma boa infraestrutura de hotéis, inclusive alguns all-inclusive, bares, restaurantes e muitas lojas, já que é considerada um porto livre de comércio. Tem praias lindas de areias brancas, coqueiros e tons de azul diferentes no mar. E possui algumas ilhotas, que são lindas e merecem ser visitadas como Johnny Cay, Haynes Cay e o Acuario, onde é possível fazer mergulho livre e outros esportes aquáticos. Uma dica importante é levar sapatilhas de neoprene para as ilhas e demais praias, pois há muitos corais que às vezes machucam os pés. A ilha foi descoberta por corsários ingleses e disputada por franceses, holandeses e espanhóis que a colonizaram por mais tempo, é famosa pela lenda de que o pirata Morgan usou a ilha como base para guardar seus tesouros: há inclusive um atrativo na ilha que se chama a caverna de Morgan e você pode visitar o local, onde os nativos achavam que era o esconderijo do pirata, mas nenhum tesouro foi encontrado até o momento. A ilha tem apenas 33km de extensão e vale a pena alugar um carrinho de golf para dar a volta na mesma e ir parando nos pontos mais interessantes.

Quando ir:

É possível visitar a ilha de San Andres o ano todo já que as temperaturas são bem-estáveis e variam de 26,5 a 29 graus Celsius, as chuvas são mais frequentes de Junho a Novembro, nesta época os ventos costumam ser mais fortes e o mar pode ficar um pouco mais agitado, especialmente do lado onde estão os mergulhos mais profundos como o Blue Hole.

Mas San Andres está fora da rota de furacões e com isso é uma boa opção de mergulho o ano inteiro.

Outras atrações e passeios:

West View e la Piscinita são ótimos pontos para a prática de snorkeling ou mergulho livre.

Para quem não é mergulhador certificado e quer experimentar respirar debaixo d’água existe o Aquanauta, um capacete ligado a superfície que permite uma experiência diferente a 6 metros de profundidade.

A praia de Spratt Bright e também a Peatonal com seu calçadão repleto de bares, restaurantes e algumas barraquinhas de artesanato atraem bastante gente.

Rocky cay tem um clube de praia interessante e um visual bem bonito.

Para quem tem tempo, pode fazer um passeio de catamarã até as lindas ilhas de Providência e Santa Catalina.

Informações úteis:

A língua oficial é o espanhol, mas muitas pessoas falam inglês também. O povo local fala entre eles o inglês crioulo.

A moeda local é o peso colombiano, mas o dólar é aceito em muitos lugares.

A voltagem é de 110 V.

Visto: brasileiros não necessitam de visto, apenas um passaporte válido por pelo menos 6 meses. Desde 2017 é exigido o certificado internacional de vacinação contra a febre amarela.

Você terá que pagar uma taxa turística para entrar em San Andres de aproximadamente USD 40,00.

Alimentos & Bebidas:

A culinária local tem como base peixes e frutos do mar e mistura frutas locais como o coco e também temperos e especiarias, mas você achará praticamente toso os tipos de culinária na ilha: italiana, japonesa, árabe, etc. O prato típico é o rondón: uma espécie de sopa com peixe, caracol, mandioca, batata e banana. Outra pedida bem comum é o arroz de coco com peixe ou ainda os patacons, uma espécie de bolinho frito de banana. A bebida mais famosa da ilha é o coco loco, uma mistura de vodka, rum e leite de coco.

A ilha é bem servida de restaurantes, bares e cafés. O café colombiano Juan Valdez que é de excelente qualidade tem uma lanchonete em frente à praia Peatonal com uma variedade incrível de sabores.

O melhor restaurante da cidade é sem dúvida o La Regatta: um lugar charmoso sobre às águas caribenhas e com um serviço impecável. É melhor fazer reserva, pois vive lotado.

Outro bem movimentado, mas mais simples, porém com uma vista linda e comida boa é o El Rincon de La Langosta, especializado em lagostas, mas também tem frutos do mar e peixes.

O restaurante Casablanca fica de frente para o mar tem um ambiente romântico com um bom serviço. Várias opções de carne até peixes.

Outra boa opção para comer frutos do mar ou peixes, com preços bem mais modestos é o Capitan Mandy, ele não abre todas as noites, mas funciona durante o dia para almoço. Lugar simples, mas limpo e a comida deliciosa.

Para uma pizza italiana procure o La Pizzeta Florio, boas opções de pizza com massa grossa e alguns pratos italianos.

Vida Noturna:

San Andres tem muitos bares e a avenida da praia fica lotada à noite, mas o point mais famoso é a boate Coco Loco, onde as pessoas vão para dançar salsa e reggaeton, os ritmos mais curtidos na ilha. Outra boate que fica cheia aos finais de semana é a Exctasy no Hotel Sol Caribe.

Compras:

A ilha de San Andres é um porto livre, sem impostos e possui muitas lojas que vendem de tudo com um preço muito bom: roupas, perfumes, eletrônicos, sapatos, bolsas, bebidas e malas. La Riviera, La Perfumarie, President e Madeira são grandes magazines que vendem marcas famosas. Aceitam cartão de crédito internacional, dólar ou peso colombiano. As principais avenidas do centro estão repletas de lojinhas que também vendem artesanatos e lembrancinhas. As lojas normalmente funcionam das 9:00 às 12:30 e depois das 15h às 20:30h.

Serviços:

Para trocar dinheiro por peso colombiano, se o seu voo tem escala em Bogota, eles costumam ter um bom cambio por lá para trocar reais ou melhor ainda o dólar em pesos colombianos. Na ilha de San Andres você tem 3 opções: a casa de cambio que fica ainda no aeroporto, mas nem sempre tem a melhor cotação, a Western Union, que fica na Avenida Costa Rica e funciona das 8:00h às 12h e depois das 14h às 17h. E para troca de dólares por pesos é possível também trocar no Bancolombia que funciona das 8:00h às 11:30 e depois das 14h às 16:30h.

Alguns hotéis fazem cambio também, pergunte na recepção para melhores informações.

Há muitos minimercados em San Andres na região central que funcionam normalmente das 9:00 às 20:00h, mas tem um supermercado maior e mais completo, caso necessite fazer compras, o Super Exito.

Há várias locadoras de automóveis na ilha, mas as mais procuradas são as que tem carrinhos de golf ou scooters.

Há internet de graça na avenida Peatonal.

Dinheiro: Peso colombiano

Como chegar: Há voos saindo do Brasil via Bogotá pela Avianca ou pela LATAM ou via Panamá pela Copa Airlines.

San Andres é uma boa opção de passeio para a família toda, mas não espere hotéis e resorts luxuosos e nem lugares muito chiques e estruturados. A cidade tem prédios abandonados, ruas bem sujas e pouco transporte público. Seus táxis são antigos e não possuem taxímetro, por isso combine antes o preço. Como em qualquer lugar do mundo, há pessoas honestas e outras nem tão honestas assim, então cuidado com seus pertences e evite locais pouco iluminados.

Para quem gosta de natureza, San Andres é realmente um local especial!

AUTORA

Elsie C. Orabona – Instrutora de mergulho, agente de turismo e fotógrafa sub.

Compartilhe!
WhatsApp chat